Aqui vai-se falar da cultura em geral De música e literatura em particular

28
Dez 08

Embora o tempo seja demasiado curto para fazer tudo o que me tenho proposto fazer, sempre arranjo um bocadinho para pôr a leitura em dia. Nestes últimos dias estive a ler (o mais correcto seria dizer reler) dois livros de poesia com alguns anos. Um mais universal e outro mais específico. Mas ambos de grande valor.

O primeiro é já um clássico da literatura universal Antologia - Pablo Neruda - Relógio D'Água

Todos nós já lemos Pablo Neruda em alguma altura da nossa vida. Eu li pela primeira vez, há já bastante tempo, e sou obrigado a dizer que reler este poeta me deu um gozo especial.

Disse Neruda: "...Cheguei através de uma dura lição de estética e de procura, através dos labirintos da palavra escrita, a ser poeta do meu povo..."

O segundo livro que vos sugiro é, para além de um livro de poesia, um trabalho sobre a história da poesia luso-árabe dos séculos XI, XII e XII. O meu coração é árabe Adalberto Alves - Assírio & Alvim dá-nos a conhecer trechos de poemas de alguns dos poetas árabes nascidos em terras que hoje são território português.

Pequena amostra para aduçar a boca:

Amplo quadril, esbeltez miúda,

eis um talhe claramente exagerado,

levando as provisões parece uma viúva,

alguém que, sobre pinças, ao peso vai dobrado.

 

olhem-na detrás: tal qual fresco pez!

ou, melhor, um espesso borrão

que negra tinta de um escrivão

ao cair da pena ali lhe fez.

             A formiga -Al-Tulaytuli

 

publicado por manu às 09:10
sinto-me: mais culto

Janeiro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
26

27
28
29
30
31


links
Posts mais comentados
comentários recentes
Parabéns ao apresentador e à autora!Bjo!
otimos comentarios de Simon Scarrow,
Que surpresa!!!!Beijocas
E dia 22 lá estarei muito, muito orgulhosa :)Beijo
Meu querido amigo venho desejar um excelente 2011 ...
Gostei muito da apresentação que o Xavier fez do t...
Olá meu amigo como pode verificar não fica atrás a...
Olá Fátima! Com a saúde não se brinca, espero que ...
Meu amigo é com tristeza que venho pedir desculpa ...
Olá Manelita! E não precisas passar factura. Beijo...
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO